Terça-feira, 18 de Maio de 2010

CAMINHOS

 

Ontem pela noite, dei comigo a fechar a porta de casa à chave. Experimentei uma sensação diferente. Como se o coração parasse e o corpo estremecesse.

Voltei à sala, poisei as chaves na mesa, sentei-me e fiquei observando-as. Depois acendi as velinhas como às vezes faço. A televisão tagarelava. Pararam-se-me os olhos no cinzeiro. Apeteceu-me um cigarro. Não fumo, por isso não tinha, nem ninguém que me oferecesse.

Foi então que entendi.

Estava só.

 

Um por um, eles vão saindo, seguindo os seus caminhos, como um roteiro turístico oferecido pela vida.

Um por um, nos caminhos que se impuseram, nos caminhos possíveis, nos caminhos escolhidos.

Eu que sempre lá estive continuo a estar, fico, observo estonteada, absorvo o entendimento, revejo-me nesses caminhos e por fim livre, sinto-me presa.

Sou prisioneira de sentimentos que jamais deixarei de sentir, numa constante e perpétua realidade que em mim persiste.

Compreendo que o meu caminho mudou de novo, rumo a uma maior liberdade ansiada e no entanto estou triste.

 

Nesta dualidade de sentires, cansada, adormeci.

 

 

Mafalda, 18 de Maio de 2010

 

(foto minha)


publicado por mafalda-momentos às 19:57
link do post | favorito
De Existe um Olhar a 18 de Maio de 2010 às 21:47
Mafalda

Seria despropositado se te dissesse que tens os amigos, que nunca estás só, mas não é a mesma coisa. Quem não se sentiu como tu, apesar dos filhos e dos amigos! Quem não sentiu uma solidão roendo e desgastando lentamente aquilo que não queremos admitir?
Quem não acendeu velas para se sentir acompanhada, imaginando como seria bom acendê-las para partilhar bons momentos a dois?
Há noites assim...noites que nos apanham distraídas e nos dizem aquilo que recusamos admitir. São duras certas noites, mas amanhã amiga...amanhã o Sol brilhará.
Beijinhos
Manu


De mafalda-momentos a 20 de Maio de 2010 às 09:41
Pois é amiga, acontece de vez em quando a todos e até às vezes não nos vamos dando conta até dado momento.
Mas também é verdade que temos tantos dias de Sol e os amigos, a familia também contam, estão sempre lá para nos lembrar que há mais vida para viver.
Obrigada Manu por me lembrares
Beijinhos


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 24 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. A minha despedida

. Cansativo

. Desfolhando o malmequer.

. A praia é só deles.

. Ó noite de Santo António

. A pena do gabbiano deslis...

. O BEIJO

. Primavera

. Casa Arrumada... Desarrum...

. CASA ARRUMADA

.arquivos

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.Musica

.O meu primeiro Selo


Obrigada Libel Linda

.O meu "Segundo" Selo


Obrigada Fátima

.El Puente - Serpai - 27/08/2010

Además del sello te regalo mi flor favorita... Gracias Sergio... un abrazo

.Obrigada luadoceu - 21/10/2010

.subscrever feeds