Sábado, 6 de Agosto de 2011

Feliz Aniversário Manu

 

Veio daqui - http://existeumolhar.blogs.sapo.pt/104026.html

Foto by Manu

 

“Aprendi com as primaveras a deixar-me cortar para poder voltar sempre inteira.”

Cecília Meireles

 

 

Porque te escondes Mulher Maravilha de Criança Nascida na penumbra de sombras quase divinas de um contra-luz, ainda que perfeito?

Olha de frente o Sol e as sombras ficarão para trás.

Não as vês, nem as sentes.

Deixa-te flutuar num voo de sonho imaginado e sentirás em realidade a plenitude do dia.

Que sejas feliz, hoje e sempre e com todo o entusiasmo de uma vida rica de sentimentos.

 

Hoje é teu dia... Parabéns querida Manu

 

 

- Ambrósio apetecia-me algo…

 

- Lamento Senhora mas nesta altura do ano…

 

- Não Ambrósio, hoje não falo de Ferrero Rocher. Começo a ficar cansada de ser sempre a mesma coisa... o mesmo sabor. Eu sei que é delicioso, mas realmente queria algo diferente, algo mais vivo, alegre. Queria descontrair, conviver, encontrar pessoas de quem eu gosto num ambiente belo, dar uma boa risada, soltar-me, nem que para isso seja preciso beber uma taça..., talvez duas ou mais de champagne…

 

- Tomei a liberdade de pensar nisso, Senhora.

 

- A sério Ambrósio? Que me preparaste tu?

 

- Será surpresa Senhora, mas posso desvendar um pouco do mistério.

Pode chegar à janela e espreitar. A mesa foi reservada para si, Senhora.

Por enquanto está vazia, mas preparei verdadeiras iguarias que a vão deliciar.

Convidei algumas pessoas que lhe farão companhia num adorável convívio e tomei as devidas providências para que champagne não falte… Dom Pérignon estará bem, Senhora?

 

- Oh Ambrósio, tu sempre me surpreendes! Mal posso esperar.

 

Foto de: Bernardo Gomes

 

 


publicado por mafalda-momentos às 10:02
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De Rosinda a 6 de Agosto de 2011 às 10:34
Adorei este post! Fantastica forma de surpreender uma amiga...
Divirtam-se minhas amigas, porque a vida merece ser festejada.
Um abração para todos.
Rosinda


De mafalda-momentos a 6 de Agosto de 2011 às 11:08
Ó Rosinda
E eu adorei esse abração.
Acho que tens toda a razão! A vida merece mesmo ser festejada!
Pena andares lá por essas lonjuras e não cantares os parabéns connosco.
Não, não é pena porque é assim que tem de ser, não é?
E do longe se faz perto e acho que se escutar bem, consigo ouvir-te... ó pra ti a rires-te com tanto gosto. 

Um beijinho muito grande para ti


De luadoceu a 7 de Agosto de 2011 às 10:47
adorei mafalda
adorei a ideia do ambrosio
gosto da tua escrita
algo diferente sem duvida,mas sozinha nao ficas sentada nessa mesa mafalda
sei que ja passou um dia,pois naos abia do aniversario da manu,n esta no perfil,fico com muita pena, de n estar c ela aqui virtualmente nesse dia,mas nao sabia
o dia foi bem passado?
vivam os amigos mafalda
beijinhos e parabens a manu


De mafalda-momentos a 8 de Agosto de 2011 às 09:43

Olá Lua
O dia só aconteceu ontem, a seguir ao aniversário, mas foi muito bem passado.
Com algumas surpresas para a Manu que a deixaram muito feliz, acho que posso afirmar isso.
Quanto a não saberes o dia exacto não faz mal, estás a fazê-lo agora e isso é que conta... eu também deixei passar o teu e também da Blogando, que aliás foi no mesmo dia e eu pensava ser no dia seguinte.
Obrigada por gostares e acima de tudo obrigada por estares sempre aqui comigo
À amizade, eu brindo sempre contigo... venha de lá esse abraço amiga.

Beijinhos


De a 8 de Agosto de 2011 às 07:27

Mafalda,

Que me consideres indiscreto, pelo meu atrevimento, ainda assim, não resisto, pela beleza estética do texto, a chamar a tua atenção para algumas incorrecções ortográficas e de pontuação:

1. Feliz Aniversário Manu

1. Feliz Aniversário, Manu

2. Porque te escondes mulher maravilha de criança nascida . . .

2. Por que te escondes, mulher maravilha de criança, nascida . . .

3. Ambrósio apetecia-me algo

3. Ambrósio, apetecia-me algo

4. Lamento Senhora, mas nesta altura do ano . . .

4. Lamento, Senhora, mas nesta altura do ano . . .

5. A sério Ambrósio

5. A  sério, Ambrósio

6. Será surpresa Senhora, mas . . .

6. Será surpresa, Senhora, mas . . .

7. Oh Ambrósio, tu sempre me surpreendes!

7 (Discutível)

Poder-me-ás responder que muitos mestres da nossa Literatura se estão nas tintas quer para a pontuação, quer para a ortografia, ou até mesmo para a sintaxe! Assim é, pois!  Muitos revelam uma dose excessiva de vasta ignorância e, não obstante, vendem sucessivas edições, que o público consome . . .

Não confundir, peço-te, este meu reparo, com  o reconhecimento que faço da tua lavra, onde são visíveis profundos  golpes de arte, de beleza e de contextualização, nas nossas Letras.

As minhas desculpas!
José Simões









De mafalda-momentos a 8 de Agosto de 2011 às 10:09



Sem qualquer pedido de desculpas... este é um espaço aberto, onde qualquer pessoa pode entrar e falar comigo.
Se eu considerasse o contrário, torna-lo-ia privado.

Quando eu quiser escerver um livro, "contrato-te" para fazeres a sua correcção, já que, com tão boa vontade te dispões a fazê-lo neste texto... ahahah

Sabes que não tenho qualquer pretensão a escrever bem, seja qual for a vertente, pela qual analises a minha escrita.
Por isso e por saber que és um especialista na matéria, aceito todos os reparos, menos um.
Discordo em absoluto com o nª 2...
"...mulher maravilha de criança nascida..."
Se introduzir uma virgula a seguir a criança, subentende-se que a criança nasceu na penumbra das sombras... não é isso que quero dizer, mas sim, que a mulher maravilha, nasceu de uma criança.

É claro que nunca te responderia com o assunto do antepenúltimo parágrafo do teu comentário. O que escrevo não é Literatura e jamais me compararia a pequenos mestres, quanto mais a grandes mestres.

De qualquer modo, obrigada pela crítica salutar.

Tudo de bom para ti sempre


De a 8 de Agosto de 2011 às 19:46

Mafalda,

Aquele ponto 2, e no seguimento da tua oportuna observação, continua a suscitar-me justificada intervenção, agora, também ao nível da semântica.

A profundidade do pensamento contido na respectiva frase, que as próprias maiúsculas mais adensam e melhor acentuam, exigem-me engenho e arte, que todavia não disponho, por não merecer das musas o dom poético que herdaste e vens cada vez mais sublimando.

Um dia destes, mais liberto das lides do campo, voltarei  pois ao texto, de inspiração divina, com novos aditamentos, se me deixares.

Até sempre!


De libel a 8 de Agosto de 2011 às 14:10
-Ambrósio apetecia-me algo..
-Pois não Madame, posso sugerir um martelo
-Um Martelo, Dio Mio, mas para que quero  um martelo?...
-Perdão senhora, mas calculo que um martelo dá sempre jeito, em especial para alguns  pregos de cabeça dura...
-Bom, lá isso é verdade, ás vezes apetece dar assim umas boas marteladas...mas neste momento apetecia-me algo diferente...até porque existem pregos que já nasceram tortos.
-Estou ás suas ordens Madame, o que seria então...
-Bom, estava a pensar no dia de ontem, foi tão mágico, que gostava de repetir em breve...e como tal, acho que vou enviar uns convites, mas estou com uma pequena dúvida...
-Poderei ser útil Madame??...seria um prazer...
-Oh..Ambrósio, claro que sim, tu consegues sempre surpreender-me ...
-Obrigado Madame...
-Então diz.me, como achas que deverei iniciar o convite: Minha querida amiga ou Minha querida vírgula amiga?
-Uhhhmmm...agora fiquei baralhado senhora, permite-me pensar um pouco??..
-Claro Ambrósio, temos tempo...temos tempo....olha entretanto traz o Dom Pérignon, esta  tarde promete animação!!...
-Pois não, Madame.
-Bravo Ambrósio!!...

Amiga , como sempre  arrasaste, O teu sentido de humor inspira-me.... PARABÉNS ÁS DUAS!!...


De mafalda-momentos a 8 de Agosto de 2011 às 15:04
Ó minha "Ambrósia", hoje foste promovida... deixaste de ser girassola, mas passaste a ser ainda mais gostosa... é que estava mesmo a precisar desse MEL todo que vai escorregando das tuas plavras.

Caramba é que estava aqui mesmo frustrada, num sufoco que só visto...
Adorei o martelo... é ferramenta, um pouco rudimentar que ainda existe cá por casa... o que me faltava mesmo, eram uns bons pregos de aço... lol... é que os quadros na parede ficam sempre tortos...
Abençoado Dom Pérignon, uma boa caipirinha, ou um Moscatel de Setúbal, para ver se esqueço os pontos nos is, as virgulas e os acentos.

Só tu mesmo para me fazeres rir à gargalhada ainda que sózinha.
Esse teu sentido de humor e oportunidade sempre me surpreende minha "Ambrósia" mais docinha, divertida e inspirada.

Olhe Madame que eu não sei quem arrasou mais... acho que me bateste aos pontos.

Grazie, ora sono più piacevole!

Beijocas


De Existe um Olhar a 12 de Agosto de 2011 às 21:51
Querida amiga
Sou uma desnaturada, então não é que me passou ao lado este belíssimo post!!! Imperdoável!
Garanto-te desde já já que não foi por não teres colocado as vírgulas, os pontos ou seja lá o que for nos devidos lugares, até porque isso são pormenores que me passam ao lado, nem acho sequer que isso seja discutível e motivo de reparo num post cujo objectivo é presenteares uma amiga e não uma lição de ortografia ou pontuação.
A Ambrósia já abriu o champanhe, já deu as marteladas que tinha a dar e a mim resta agradecer-te do fundo coração esta surpresa maravilhosa. Obrigada , obrigada, obrigada querida amiga! agora até fiquei na dúvida com que sinal devia terminar este comentário, ponto final não é de certeza, prefiro talvez umas reticências que dão a ideia e a certeza que a nossa amizade continuará....


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 21 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. A minha despedida

. Cansativo

. Desfolhando o malmequer.

. A praia é só deles.

. Ó noite de Santo António

. A pena do gabbiano deslis...

. O BEIJO

. Primavera

. Casa Arrumada... Desarrum...

. CASA ARRUMADA

.arquivos

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.Musica

.O meu primeiro Selo


Obrigada Libel Linda

.O meu "Segundo" Selo


Obrigada Fátima

.El Puente - Serpai - 27/08/2010

Además del sello te regalo mi flor favorita... Gracias Sergio... un abrazo

.Obrigada luadoceu - 21/10/2010

.subscrever feeds