Segunda-feira, 8 de Fevereiro de 2010

Breves instantes

 

Existem pequenos momentos, breves instantes, que nos deixam uma estranha sensação, que se cola em nós como uma lapa na rocha.

Temos vontade de gritar, de dizer não pode ser assim… mas em nome do bom senso, calamos… por não entendermos onde mora a razão.

Ficamos em dúvida se são reais, ou fruto duma imaginação daquilo que em verdade não sabemos.

Nesta incerteza não nos libertamos.

E sobre os ombros caem-nos, o dia inteiro, estes pequenos momentos.

Breves instantes…

Como esta pequena borboleta… como este pequeno poema.

Mafalda, 8 de Fevereiro de 2010

 

 

 http://momentoseolhares.blogs.sapo.pt/

Foto de Jorge F. Soares - Blog Momentos e Olhares

 

Canção Mínima

No mistério do sem-fim,
equilibra-se um planeta.
E, no planeta, um jardim,
e, no jardim, um canteiro;
no canteiro, uma violeta,
e, sobre ela, o dia inteiro,
entre o planeta e o sem-fim,
a asa de uma borboleta.

 

Cecília Meireles


In: “Antologia Poética”, Editora Record - Rio de Janeiro, 1963

 


publicado por mafalda-momentos às 21:49
link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De Jorge Soares a 8 de Fevereiro de 2010 às 22:54
Olá

Estive uma semana longe da internet... mas já voltei :-)

A imagem não se vê... reparei agora que estás a passar as imagens para o SAPO Fotos, isso não é necessário, podes utilizar directamente o link que eu tenho no meu blog...

Jorge


De mafalda-momentos a 8 de Fevereiro de 2010 às 23:38
Jorge
Ainda esperei para saber se podia usar... acabei publicando.

Mas não conseguiste ver a tua foto? Eu vejo.
De facto as tuas fotos que tenho usado acabam ficando no sapo, mas eu também indico lá o autor.
De qualquer modo se te desagrada, eu retiro.
Olha não sei muito usar a informatica, mas vou tentar fazer como sugeres.

Deixa que aproveite para te dar os parabéns pela bela série que escolheste para os 2 anos de blogue. Excelente simplemente.
Mafalda


De Jorge Soares a 9 de Fevereiro de 2010 às 08:28
Olá

Não precisas de pedir autorização, podes utilizar as imagens que entenderes.

A imagem não está a aparecer, tu consegues ver porque está na cache do teu computador, vê lá se o album onde a colocaste no SAPO é publico, deve estar privado.

Jorge


De inoutyou a 9 de Fevereiro de 2010 às 21:32

Olá Mafalda,

De breves instantes é feita a vida...uns bons, outros maus...mas todos eles vividos concerteza.


Beijinhos
Alex


De mafalda-momentos a 18 de Fevereiro de 2010 às 15:57
Olá Amigo

Breves ou duradoiros são eles que compõem em realidade as nossas vidas.
Por vezes parecem-nos uma coisa, para logo de seguida verificarmos que em realidade são outra.
Cabe-nos a nós geri-los como merecem, realçando-os ou, pelo menos tentando, atribuir-lhes apenas a devida importância, para que haja espaço para viver outros e mais outros...

Um beijinho


De eternoerrante a 11 de Fevereiro de 2010 às 18:38
Doce Amiga...Os breves instantes Leva-nos para onde o sonho nos deixar,
Formam-se em tuas quentes mãos, essa tua borboleta,
Temos de viver o que o momento nos tem para dar,
Voemos para onde o desejo nos leva,
Porque amar não tem senãos,
Porque amar é pura entrega.

Quero ver em ti um sorriso amiga....
Beijinhos do amigo Rui


De mafalda-momentos a 18 de Fevereiro de 2010 às 16:09
Olha Rui
e sonhar é ainda muito do que me resta... que mal existe em sonhar não é verdade?
Como eu gostaria de voar nas asas de uma simples borboleta.

Aqui fica a promessa de sorrisos meus.
Beijinhos para ti meu amigo
Mafalda


De libel a 15 de Fevereiro de 2010 às 17:34
Mafalda, o que tenho eu perdido por aqui....andei toda embrenhada nas mudanças de visual que descuidei um pouco os comentários aos amigos mais próximos, e tu que sempre me foste fiel, com o teu jeitinho tão doce e essa tua cumplicidade que adoro.

Quanto ao tema, breves instantes ...deixo-te o seguinte, espero que gostes....e percebas o seu significado...

Há poetas que morrem todos os dias,
Há poetas que pintam o amor,
sem conhecerem nem a sua côr,
Há ainda aqueles que simulam a saudade,
E aqueles que pensam
Que escrevem toda a eternidade,
Há poetas que o são sem nunca o terem sido,
Há ainda aqueles que como eu não o são...
...e o vão sendo todos os dias, criando, inovando, gritando, apelando, chorando, rindo, pela vontade de viver, breves momentos, escassos instantes...são eles a nossa VIDA!!!...

Beijokas lnda amiga....


De mafalda-momentos a 18 de Fevereiro de 2010 às 16:25
Não te preocupes Libel, que amigo que é amigo compreende.
Vês eu também só te respondo agora... estive três diazitos fora daqui.
Tal como tu, não sou poeta amiga, mas isso não tem importância quando todos os momentos são vividos com intensidade e com total entrega e sem dúvida é o conjunto de todos eles que nos preenche e nos fazem não só viver, como apreciar esse bem precioso que destacas em maísculas.
Beijinhos para ti com o desejo de momentos deliciosos para ti.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. A minha despedida

. Cansativo

. Desfolhando o malmequer.

. A praia é só deles.

. Ó noite de Santo António

. A pena do gabbiano deslis...

. O BEIJO

. Primavera

. Casa Arrumada... Desarrum...

. CASA ARRUMADA

.arquivos

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Musica

.O meu primeiro Selo


Obrigada Libel Linda

.O meu "Segundo" Selo


Obrigada Fátima

.El Puente - Serpai - 27/08/2010

Además del sello te regalo mi flor favorita... Gracias Sergio... un abrazo

.Obrigada luadoceu - 21/10/2010

.subscrever feeds